Loteamentos
e Incorporação
Av. Higienópolis, 70
Londrina - PR
Segunda à sexta-feira
8h - 18h | Sáb 8h - 12h
Atendimento
(43) 3373-7979
Facebook
Instagram
Google+
Youtube

Os Melhores Lugares para Conhecer em Campos do Jordão

Muito além de apenas um destino de inverno, Campos do Jordão conta com atrações de ecoturismo, cultura e lazer para todas as épocas do ano.

Campos do Jordão, na região serrana do estado de São Paulo, é muito conhecida por ser um destino típico de inverno, com seus bares e restaurantes que exalam charme e aconchego aos visitantes.

Mas muito além dos bons vinhos, cervejas, fondues e chocolates locais, Campos do Jordão encanta e conquista por outros diversos atributos que envolvem passeios inesquecíveis! Entre o agito da cidade tipicamente europeia e o clima ameno da Serra da Mantiqueira, há lugares que não podem ficar de fora do roteiro.

Mesmo em épocas de baixa temporada e em estações mais quentes como primavera e verão, uma programação cheia de aventura, cultura, lazer e belezas pra diversos gostos e idades pode ser feita em todos os períodos do dia.

Relacionamos 10 passeios imperdíveis em Campos do Jordão para conhecer e se divertir com a família, amigos e amores.

 

1 – VILA CAPIVARI, onde a magia acontece

A Vila Capivari (ou Praça, como também é conhecida) é o coração pulsante de Campos do Jordão. É nela que toda a magia acontece, por onde quem passa se sente absolutamente tomado pelo charme ímpar e característico da cidade.

Situada entre as ruas Doutor Djalma Forjaz, a Avenida Macedo Soares e a Praça São Benedito, a Vila é um complexo comercial dos mais belos, que reúne bares, restaurantes, shoppings, cafés e hotéis num só reduto.

A beleza se intensifica pelos traços da arquitetura tipicamente alemã, o que traz ao ambiente ares europeus, sobretudo no inverno. A vida noturna do Capivari é agitada e muito disputada pelos turistas, ávidos por um bom chocolate quente para aquecer ou pelas famosas cervejas locais que fazem muito sucesso em todo o Brasil.

Vila Capivari - Campos do Jordão - SP

A Vila Capivari é o verdadeiro retrato da Suíça Brasileira, como Campos do Jordão é conhecida. (Foto: Tudo Roch)

 

Durante o dia, um comercio frenético de lojas e grifes de referência internacional estão à disposição de quem busca roupas, joias, acessórios e calçados. Há, também, nos arredores das ruas principais, lojinhas menores de artesanatos e lembranças para presentear as pessoas queridas.

Os melhores lugares para conhecer em Campos do Jordão - SP

Durante o dia e a noite, as lojas, shoppings e restaurantes do Capivari permanecem agitados. (Foto: Campos do Jordão)

 

Ao anoitecer, as árvores e ruas se enchem de luzes que dão ainda mais charme ao Bairro. É hora de sentar para experimentar uma gastronomia variada e deliciosa em restaurantes renomados que oferecem a tradicional cozinha italiana, germânica, brasileira e outras culinárias típicas deliciosas.

Sequência de fondue, pizzas, massas, carnes, aperitivos, culinária oriental…tudo é feito com muito capricho e sabor nos bares e restaurantes do Capivari. O famoso bar da Baden Baden está no coração do bairro, e é sempre um dos mais procurados pelo público.

Se a pedida for um bom vinho, acomode-se num dos bares aconchegantes às margens do calçadão da Vila para desfrutar de rótulos nacionais e internacionais. Para a sobremesa, as chocolaterias jornadenenses estão espalhadas em diversos pontos do Capivari e não decepcionam!

Vale a pena provar os cafés e doces de leite artesanais da região, o sabor é surpreendente. Na realidade, a Vila Capivari toda é de encher os olhos e emocionar a quem passe por lá, então, já sabe né? Ir a Campos do Jordão e não fazer esse passeio é quase imperdoável!

Bares na Vila Capivari - Campos do Jordão - SP

Os fins de tarde trazem o contrate de luzes e cores dos bares, dando ainda mais beleza ao famoso bairro do Capivari. (Foto: Gira Mundão)

 

Arquitetura Européia - Campos do Jordão - SP

A arquitetura europeia caracteriza a Vila Capivari com muito charme e encanto. (Foto: Luana Prazeires)

 

2 – AMANTIKIR, jardins que falam

Eleito por famosos sites de turismo como o melhor passeio de Campos do Jordão desde 2013, o Parque Amantikir fascina pela beleza de seus jardins. São 60.000 m² de extensão com mais de 700 espécies de plantas que podem ser admiradas durante todos os dias do ano.

O Amantikir proporciona aos seus visitantes um verdadeiro espetáculo da natureza. O encontro das cores, tons, estilos e fragrâncias leva ao parque milhares de visitantes, entre turistas, paisagistas, botânicos e curiosos, que podem ter a experiência singular de vivenciar o contato direto com a natureza.

Parque Amantikir - Campos do Jordão - SP

O Parque Amantikir é um dos melhores passeios a se fazer em Campos do Jordão. (Foto: Da Porta Pra Fora)

 

O slogan “Jardins que falam” traduz precisamente o que o Parque oferece. São 28 jardins de livre acesso ao público para visitação, com a oportunidade de relaxar, tirar belas fotos, sentir o cheiro das flores, respirar ar puro, ter contato com os imensos gramados e perceber a paz plena que reina no Amantikir.

As espécies foram trazidas de várias partes do mundo como Austrália, Inglaterra, Alemanha, Japão e outros países. A inspiração veio dos belíssimos jardins europeus e asiáticos, com adaptações a toda riqueza ecológica brasileira.

Prepare-se para se encantar com as coníferas, espelho d’água, lago das pontes, labirintos de arbustos, estufa, mirante, pátio zen, casa na árvore, trilha das bromélias e impressionantes gramados como o Jardim das Orquídeas, Jardim Inglês, Francês, Japonês, Alemão, Austríaco, Chinês, entre outros.

Jardim - Parque Amantikir - Campos do Jordão - SP

São quase 30 jardins distintos, inspirados em diversas partes do mundo, que apaixonam e surpreendem pela beleza. (Foto: Guia de Campos do Jordão)

 

Uma excelente estrutura para visitantes conta com recepção, restaurante, café, loja, photo point, sanitários e estacionamento para a comodidade do público. Programe-se para estar no Parque em meados da manhã e fins de tarde, quando a temperatura e a luminosidade natural favorecem um passeio ainda mais fascinante.

O horário oficial de visitação é das 8h30 às 17h todos os dias do ano, inclusive feriados. Se você gosta de registrar as melhores fotos de lugares excepcionalmente lindos, é possível permanecer nas dependências do complexo até o pôr-do-sol, e vale a experiência!

Há possibilidade de fazer ensaios fotográficos, visita em grupos com a presença de guias, passear com cães (sempre no colo ou guia, jamais soltos), e conhecer as dependências do parque com tempo de permanência livre.

Para ter acesso ao Amantikir, é necessário adquirir o ingresso nas bilheterias por 40,00 reais, com a possibilidade de meia entrada para estudantes, idosos, professores da rede pública e policiais mediante comprovação.

Não dá pra perder, né?

Labirintos no Parque Amantikir

Há labirintos gramados e labirintos de arbustos que encantam ao público. (Foto: Visite o Brasil)

 

Parque Amantikir - Campos do Jordão - SP

O Amantikir é um espaço de interação com a natureza que promove uma experiência singular e extraordinária. (Foto: Quanto Custa Viajar)

 

3 – PALACIO BOA VISTA, um passeio no tempo

Uma outra alternativa diversificada de lazer em Campos do Jordão é uma visita ao Palácio Boa Vista, residência oficial do Governador do estado de São Paulo nos períodos de inverno. O local oferece um verdadeiro passeio pelo tempo, pela História do Brasil e do mundo.

São 105 cômodos divididos em 35 ambientes, numa arquitetura que chama a atenção pelos charmosos traços ingleses. A estrutura de castelo europeu encanta já a partir da fachada, mas entrando no Palácio há outras inúmeras belezas.

Palácio Boa Vista - Campos do Jordão - SP

O Palácio Boa Vista foi construído para sediar as temporadas de inverno do governador e hoje atua como um belíssimo museu. (Foto: Governo de São Paulo)

 

O local abriga um acervo fascinante. São mais de 3500 obras artísticas, contando com peças originais de ninguém menos do que Tarcila do Amaral, Anita Malfatti, Portinari, Di Cavalcanti, Volpi e Victor Brecheret. Exemplares do barroco brasileiro também fazem parte desta coletânea impressionante no castelo.

Biblioteca do Palácio Boa Vista

A biblioteca dentro do Palácio guarda um incrível acervo de obras dos mais variados estilos. (Foto: Boulevard Geneve)

 

Levando o visitante ainda mais além, o Palácio promove uma viagem pelos séculos XVII, XVIII, XIX e XX através dos móveis da época, louças de porcelana, prataria e peças religiosas, tudo muito bem conservado e de belíssimo gosto.

Até mesmo o uniforme da guarda do Palácio é uma atração a parte. Os policiais usam a vestimenta típica da polícia montada canadense, completando o charme do castelo. Para quem gosta de bons programas culturais, uma visita até o Palácio Boa Vista é praticamente obrigatória!

E o melhor de tudo? Para dar esse mergulho na História e acompanhar de perto a exposição dessas grandes obras de arte, a entrada é gratuita e o museu é aberto ao público. O Palácio Boa Vista abre de quarta a domingo e feriados –  das 10h às 17h (fechando no intervalo das 12h às 14h).

Jardins do Palácio Boa Vista

Os jardins e a estrutura do Palácio Boa Vista revelam belezas memoráveis. (Foto: Documento de Viagem)

 

Palácio Boa Vista - Campos do Jordão - SP

Toda a mobília do Palácio traz a riqueza cultural e histórica dos séculos XVII em diante. (Foto: Acervo SP)

 

Palácio Boa Vista em Campos do Jordão

Desde os móveis até a caracterização da guarda do Palácio são diferenciais que atraem a atenção dos visitantes no castelo. (Foto: Denis Carvalho)

 

4 – HORTO FLORESTAL, um refúgio da natureza na cidade

Se a sua pegada é um pouco mais aventureira, Campos do Jordão não deixa a desejar. Apesar de famosa pelo charme urbano de seus cafés e restaurantes, a cidade é toda envolta pela belíssima natureza nativa da Serra da Mantiqueira e é uma excelente opção de ecoturismo.

Há a possibilidade de passeios mais tranquilos para apreciar a beleza dos campos e flores, como já mencionamos a respeito do Parque Amantikir, mas há também passeios que envolvem trilhas na mata e escaladas até o pico de montanhas.

No meio das duas modalidades, o Parque Estadual de Campos do Jordão, também conhecido como Horto Florestal, é a maior reserva de araucárias do Estado de São Paulo, com mais de 28 mil hectares de mata nativa.

Horto Florestal - Campos do Jordão - SP

O Horto Florestal é um verdadeiro recanto verde em meio aos ares urbanos de Campos do Jordão. (Foto: Portal de Inverno)

 

O Horto é um local que, apesar de não contar com a melhor das estruturas, é muito agradável para se visitar tanto acompanhado da família, quanto com amigos e aquela companhia especial. O parque todo cercado por belas árvores e inspira aventura, lazer e romance.

Na enorme área verde do complexo, é possível caminhar, meditar, fazer piqueniques e trilhas que levam a cachoeiras caprichosamente escondidas pela mata. Algumas delas são de fácil acesso e pouca complexidade, sendo ideais para levar as crianças ou até mesmo fazer de bicicleta.

Horto Florestal - Campos do Jordão - SP

Entre árvores antigas, lagos, trilhas e gramados, o Horto oferece aos seus visitantes paz e tranquilidade. (Foto: Daniel Maciel)

 

É o caso da Trilha das Quatro Pontes, que conta com 2km de extensão, e da trilha da Cachoeira da Gargalhada, um pouco mais longa (4,7 km), mas que vale a pena, pois possibilita um banho bem refrescante no final da jornada.

Para os que já estão mais acostumados ao ritmo aventureiro do ecoturismo, a trilha do Rio Sapucaí é uma boa pedida, já que exige um pouco mais de esforço num percurso de média complexidade. São apenas 2,6 km de trajeto, mas a experiência em meio a natureza é compensadora.

Maior trilha do Horto, a caminhada que leva até a Cachoeira Celestina é a mais longa, levando até 5 horas para ser concluída. O trajeto revela a beleza das araucárias centenárias e da mata atlântica ricamente preservada. No caminho, vez ou outra é possível se deparar com as pegadas de animais silvestres, como onças. Por isso, a trilha só pode ser feita mediante agendamento prévio e acompanhado de um monitor, ok?

Trilhas no Horto Florestal - Campos do Jordão - SP

Trilhas sinalizadas indicam o caminho para cachoeiras e belezas naturais em meio à mata. (Foto: Iven Denin)

 

Se a ideia for apenas se refugiar um pouco do caos urbano, o Horto também é uma excelente opção, já que conta com um ambiente de paz, sossego e tranquilidade, onde é possível escutar o canto dos pássaros e apreciar as belas paisagens entre árvores, lagos e pontes.

Há bons restaurantes dentro do parque, além de lojinha de artesanato e atividades de aventura oferecidas à parte, como arvorismo, tirolesa e aluguel de bicicletas. Para ter acesso ao Horto Florestal, uma pequena entrada é cobrada já com estacionamento incluso.

Vale a pena conhecer e se conectar com a natureza mesmo dentro da cidade, né?

Horto Florestal em Campos do Jordão - SP

O contraste de cores e tons da natureza no Horto Florestal é inspirador! (Foto: Campos do Jordão)

 

5 – TELEFÉRICO, uma visão panorâmica inesquecível

Uma experiência singular é fazer o trajeto de ida e volta a partir do teleférico de Campos do Jordão. Inaugurado em 1972, é o mais antigo do Brasil e um dos mais charmosos também.

Teleférico em Campos do Jordão - SP

O teleférico de Campos do Jordão é o primeiro do Brasil e mantém o estilo e modelos tradicionais do passado. (Foto: Denis Carvalho)

 

O teleférico tem sua estação no Capivari e faz o percurso de subida e descida do Morro do Elefante, com 1800 metros de altura. Isso possibilita uma visão panorâmica da cidade e uma das mais belas paisagens que se pode ter de Campos do Jordão.

Alto do Morro do Elefante - Campos do Jordão

A vista do alto do Morro do Elefante a 1800m de altura é uma das mais belas de Campos do Jordão. (Foto: Boulevard Geneve)

 

A estação no alto do morro permite contemplar com detalhes a Vila Capivari e outros pontos da cidade, assim como a Serra da Mantiqueira. Aos fins de tarde essa composição ganha ainda mais beleza, com o sol baixando e dando lugar às luzes do agitado centro em contraste com as estrelas que surgem no céu aberto diante dos olhos.

Mirante no Alto do Morro do Elefante

No alto do Morro do Elefante há uma parada estratégica do Teleférico com um mirante para apreciação da vista. (Foto: Casamentos)

 

Assim como a vista, o que chama a atenção e dá um certo frio na barriga é o percurso no teleférico, feito em cadeirinhas individuais, que balançam muito e são bem “rústicas”, por assim dizer. Mantendo o modelo antigo, o passageiro faz um trajeto bastante inclinado verticalmente para subir e descer o morro, mas não se preocupe, é seguro!

As cadeiras do teleférico são individuais e promovem um passeio cheio de emoção! (Foto: Guia Permanente)

 

Para realizar o passeio, é necessário adquirir um voucher de entrada na bilheteria da estação, que se localiza na Av. Emílio Ribas, no Capivari. Imperdível!

 

6 – BORBOLETÁRIO, onde as flores voam

Campos do Jordão não cansa de surpreender. Já pudemos perceber que a natureza é um ponto que recebe toda a atenção e zelo por parte da administração pública e privada. Entre parques e jardins, há também na cidade um Borboletário repleto de espécies e belezas.

Já teve a oportunidade de ver aquelas cenas de filme onde os personagens caminham entre as borboletas em lindos gramados? O borboletário Flores que Voam proporciona essa experiência de forma concreta e real, permitindo aos visitantes que conheçam de perto 35 diferentes espécies.

No Borboletário é possível se aproximar e se encantar com as diversas espécies de flores e borboletas do parque. (Foto: Flores que Voam)

 

Logo na entrada, é exibido um vídeo acerca dos ciclos e da vida das borboletas, para contextualizar o visitante do que ele estará prestes a experimentar ao adentrar o jardim. São 500m² de luz, cores e belezas de cada borboleta. Se vale a dica, nos dias de sol elas ficam mais agitadas e ainda mais bonitas!

O objetivo do borboletário Flores que Voam é fomentar a educação ambiental para alunos da rede pública e privada, aproximando as pessoas de uma fauna e flora ricas e fascinantes. Através de um estudo e análise criteriosa, as espécies são escolhidas e recebem cuidados para repovoar e revitalizar o equilíbrio ecológico local.

Borboletário em Campos do Jordão

O público pode passear pelos jardins e admirar as mais de 30 espécies que habitam no borboletário. (Foto: Flores que Voam)

 

O Borboletário fica no caminho para o Horto Florestal, na Av. Pedro Paulo nº. 7997 – casa 01, Km 10. Então, uma sugestão interessante é fazer os dois passeios no mesmo dia, já que ambos envolvem a tranquilidade de locais que promovem esse contato singular com a natureza, né?

O horário de atendimento é de quarta a domingo, das 10h às 15h e há a cobrança de uma taxa de entrada com a possibilidade de meio ingresso para estudantes com carteirinha e pessoas acima de 60 anos mediante comprovação.

É ou não é inspirador?

Parque Borboletário - Campos do Jordão

Entre espécies curiosas, coloridas e muito belas, as borboletas atraem a atenção dos visitantes. (Foto: Guia Campos do Jordão)

 

Jardim no Borboletário em Campos do Jordão

Um jardim com flores e borboletas é a tradução perfeita para o sentimento de paz, não é mesmo? (Foto: Naturam)

 

7 – CERVEJARIA BADEN BADEN, um orgulho jordanense

Um dos grandes atrativos de Campos do Jordão está nas delícias de fabricação própria como chocolates, doces e cervejas. Talvez a mais famosa delas é a Cervejaria Baden Baden, sucesso em todo o país, que tem sua fábrica e bar abertos para visitação e consumo dos visitantes.

Ir até a Fábrica da Baden é, sem dúvida, um dos passeios mais interessantes da cidade. Com agendamento prévio, os visitantes podem entrar e conhecer a estrutura e as dependências da cervejaria, passando de setor a setor, conhecendo funcionários e recebendo explicações dos critérios e processos para realização das cervejas.

Fábrica - Cervejaria Baden Baden

A Cervejaria Baden Baden é jordanense e os visitantes podem ir até a fábrica para conhecer de perto como é feita a cerveja. (Foto: Eu Vou de Mochila)

 

São 10 rótulos, entre sabores fixos e sazonais. O visitante tem a oportunidade de conhecer as diferenças entre sabores Ale e Lager, recebem dicas de harmonização e podem degustar para confirmar o aprendizado. Os chopes do estilo Cristal e Bock também ficam à disposição de quem deseja provar a leveza e o sabor desta modalidade.

Além da Fábrica, há também na Vila Capivari o Bar da Cervejaria Baden Baden, no coração do bairro. Ainda que tenha capacidade para cerca de 600 pessoas, o local está sempre lotado e é um dos mais procurados pelo público.

Bar Baden Baden no Capivari - Campos do Jordão

Sempre repleto de pessoas, o Bar da Baden Baden no Capivari reserva boa gastronomia e rótulos exclusivos disponíveis somente no recinto. (Foto: Viagem e Turismo)

 

No bar é possível encontrar um delicioso menu com pratos da culinária alemã que casam perfeitamente com os rótulos da Baden. O atendimento é um diferencial e mesmo nos dias mais frios, aquecedores bem localizados deixam os clientes satisfeitos e muito acomodados no centro do Capivari.

Vale a pena conferir de perto todos os processos para fazer as cervejas na fábrica e depois apreciá-la no agito noturno e acolhedor do bar na Vila Capivari.

Prepare o bolso! O Bar da Baden Baden não é dos mais econômicos, mas a qualidade do serviço e o ambiente diferenciado fazem valer a pena. (Foto: Enjoy Trip)

 

Campos do Jordão - Baden Baden

Visitando Campos do Jordão, agende uma visita à Fábrica para conhecer e provar os diversos sabores da marca. (Foto: Gostou Aproveita)

 

8 – PEDRA DO BAÚ E DO BAUZINHO, para quem gosta de aventuras

Voltando ao ecoturismo rico de Campos do Jordão, um passeio em especial não pode ficar de fora dos roteiros dos amantes da natureza e de aventuras. As Pedras do Baú e do Bauzinho oferecem mais do que uma vista extraordinária: promovem uma experiência inesquecível.

Ecoturismo - Pedra do Baú em Campos do Jordão

A Pedra do Baú fica nas proximidades de Campos do Jordão e é um dos destinos que não podem ficar de fora para os praticantes do ecoturismo. (Foto: Campos do Jordão)

 

Há cerca de 30 km de Campos do Jordão, já no limite de São Bento do Sapucaí, está um incrível complexo rochoso que compreende três enormes rochas que são a Pedra do Baú, Pedra do Bauzinho e Ana Chata. Para realizar os percursos, há a possibilidade de fazer trilhas pela face norte (São Bento) e pela face sul (Campos do Jordão), esta um pouco mais longa.

Trilha para as Pedras do Baú

Placas sinalizadoras indicam caminhos e dão orientações sobre as trilhas até o alto das Pedras. (Foto: Comida e Mochila)

 

Prepare-se: adentrar esse território é como um portal mágico, cheio de surpresas e belezas de encher os olhos. Para os que buscam uma trilha mais leve, comece pela Pedra do Bauzinho, que é a menor delas e tem curta duração num terreno de fácil complexidade.

Se a pedida for por uma injeção de adrenalina e aventura mais forte, opte pela Pedra do Baú, que é a maior das três, com 1850 metros de altitude. Abaixo, um precipício de 200m possibilita esportes radicais como asa-delta, parapente e escaladas.

Pedras do Baú - Campos do Jordão

Aos amantes dos esportes de aventura, a Pedra do Baú é um prato cheio! (Foto: Pousada Marco Polo)

 

Para chegar ao cume, a caminhada inicia-se com uma pequena trilha onde há vegetação diversa, temperatura amena e animais de pequeno porte podem ser apreciados. Há trechos íngremes, mas sempre bem sinalizados. A trilha é longa e por vezes pesada, mas sem dúvida, compensa cada gota de suor e esforço.

Ao final, pode-se desfrutar das formações rochosas peculiares e um belíssimo horizonte. A visão panorâmica em 360 graus possibilita vislumbrar os vales de São Bento e do Baú, além de trechos do vale do Paraíba e do Sul de Minas Gerais.

Alto da Pedra do Baú - Campos do Jordão

Ao final, no alto da Pedra, a vista deslumbrante compensa todo o esforço. (Foto: Blog Vamos Pro Mundo)

 

Se depois dessa avalanche de belezas naturais e paisagens memoráveis ainda houver disposição, siga caminho até a Ana Chata. Mas prepare os músculos! Até lá, é necessário mais uma boa caminhada, cruzar grutas e realizar escaladas em pedras íngremes. Ao todo, quase 8 horas de percurso e uma sensação indescritível de paz, liberdade e gratidão.

Pedra do Baú - Campos do Jordão

O complexo rochoso da Pedra do Bauzinho, Baú e Ana Chata é surpreendentemente belo e precisa estar incluído no roteiro de passeios imperdíveis! (Foto: Campos do Jordão)

 

Gosta de trilhas e belezas naturais? Saiba mais conhecendo passeios incríveis em meio a natureza para fazer em Paraty!

Além das trilhas, a cidade fluminense é um santuário de águas verdes e cristalinas. Confira também as melhores ilhas de Paraty!

 

9 – BONDE E MARIA-FUMAÇA, um tour pelo charme dos antigos transportes

Mais uma atração que promove uma viagem pelo tempo é o passeio de bonde e Maria-Fumaça, que faz um tour por diversos pontos da cidade com todo o charme dos transportes ferroviários antigos.

Passeio de bonde elétrico - Campos do Jordão

O Bonde elétrico é uma das atrações mais charmosas e agradáveis de Campos do Jordão. (Foto: Guia de Campos do Jordão)

 

A Estrada de Ferro Campos do Jordão foi inaugurada em 1912 com o objetivo de interligar a cidade com as demais regiões do país, fazendo o transporte de enfermos, alimentos, materiais de construção e etc. Com o aumento das rodovias, esse canal de interligação acabou caindo em desuso, mas ganhou novas funções: os bondinhos passaram a transportar – e conquistar – turistas de todos os lugares.

Estrada de Ferro em Campos do Jordão

A Estrada de Ferro, antes utilizada como acesso entre Campos e as demais cidades, hoje serve como meio para viagens de caráter bucólico e também turístico. (Foto: Diário do Grande ABC)

 

Hoje são quatro itinerários feitos nas linhas férreas:

1- Turístico: (Estação Emílio Ribas – Estação São Cristovão) – 8 km

2- Maria Fumaça: (Estação Emílio Ribas – Abernéssia) – 4km

3- Campos do Jordão – Santo Antônio do Pinhal: (Estação Emílio Ribas – Estação Eugênio Lèfreve) – 19 km

4- Pindamonhangaba – Campos do Jordão: (Estação Central – Estação Emílio Ribas) – 47km)

 

O mais procurado é o itinerário turístico, justamente porque ele conduz os visitantes a conhecer a cidade passando por diversos pontos, em tours de cerca de 40 minutos cada. É um passeio que une a beleza da cidade com a interessante experiência de andar num transporte público aos moldes antigos.

No mês de julho, o bonde turístico dá lugar à Maria-Fumaça, que faz passeios mais curtos devido à grande procura, já que é um mês de alta temporada em Campos do Jordão. Para pegar a condução, é preciso se dirigir até a estação que fica junto do teleférico.

Passeio de Maria Fumaça em Campos do Jordão

A tradicional Maria-Fumaça faz percursos que agradam toda a família em Campos do Jordão. (Foto: Governo do Estado de São Paulo)

 

A estação é um outro atrativo da Linha Férrea. Dentro dela, há locais de recreação, jardins, lojas de artesanato e lembranças, playground e um lago, sendo uma ótima oportunidade para registrar belas fotos com a família e os amigos.

As saídas são de hora em hora, sempre a partir das 10h da manhã, na Avenida Emílio Ribas. Então programe-se e não deixe de ir!

Passeio de Bondinho - Campos do Jordão

De bondinho ou trem, os passeios de transportes férreos são muito charmosos e imperdíveis! (Foto: Centro-Oeste Ferreomodelismo)

 

10 – MUSEU DE ESCULTURAS FELICIA LEIRNER, um paraíso cultural

Campos do Jordão tem um pouco de tudo: aventura, vida noturna, grifes renomadas, gastronomia de referência, belas paisagens e muita, mas muita cultura. Mais um dos exemplares dessa cultura proeminente na cidade é o Museu de Esculturas Felícia Leiner.

Museu de Esculturas - Campos do Jordão

Envolto por belas araucárias, o Museu de Esculturas é um lugar de beleza singular em Campos do Jordão. (Foto: Portal Serra da Mantiqueira)

 

Esta é uma fascinante área verde de 35 mil m² que abriga um impressionante museu a céu aberto, com esculturas de diversos formatos e tamanhos. As obras chamam a atenção pela beleza, por serem grandiosas e pela perfeição do trabalho da artista esculpido em bronze e cimento branco.

Felícia Leiner é uma renomada escultora nascida na Polônia e naturalizada no Brasil, que deixou suas grandes obras como herança de seu talento inigualável. O museu ainda privilegia uma vista exuberante da Pedra do Baú e da Serra da Mantiqueira.

Museu de Esculturas - Campos do Jordão - SP

A vista panorâmica de onde se localiza o museu é simplesmente extraordinária! Aos finais de tarde, o pôr-do-sol visto do local deixa a paisagem ainda mais bela. (Foto: Da Porta pra Fora)

 

A visita até o Museu de Esculturas pode ser feita das 9h às 18h, mas em qualquer horário do dia é possível ser presenteado por um toque a mais de beleza conferido pela natureza. De dia, o reflexo do sol nas esculturas dá ainda mais brilho às obras. Ao anoitecer, um jogo de luzes estrategicamente posicionado enche de charme e encanto às peças de bronze e cimento.

Como estão espalhadas pela área gramada, as obras estão totalmente inseridas na natureza, parecendo até mesmo que algumas delas fazem parte da vegetação nativa do ambiente. As visitas ao museu são gratuitas e os dias de funcionamento são sempre de terça a domingo na Av. Dr. Luis Arrobas Martins, nº 1.880.

Definitivamente, é um lugar para se encantar e se emocionar!

Museu de Esculturas em Campos do Jordão

As esculturas feitas em cimento branco e bronze ficam totalmente integradas à natureza, complementando um cenário impressionante. (Foto: Naturam)

 

Museu de Esculturas Felícia Lerneir

O Museu de Esculturas Felícia Leirner abriga um acervo fascinante de belas peças, revelando o trabalho impecável da artista. (Foto: Campos do Jordão)

 

Mais do que somente em épocas frias, Campos do Jordão tem programação para todas as estações do ano, não é mesmo?

Mas se você gosta de curtir o inverno, há também outras opções deliciosas além da cidade jordanense. Confira as melhores cidades brasileiras para fazer um roteiro de inverno inesquecível!

Como bem disse o poeta Mário Quintana, “viajar é trocar a roupa da alma”, certo? Então faça as malas e caia na estrada!

 

por Camila Viol.

Fontes: Férias Brasil | Melhores Destinos | Próxima Trip | Campos do Jordão.com.br