Loteamentos
e Incorporação
Av. Higienópolis, 70
Londrina - PR
Segunda à sexta-feira
8h - 18h | Sáb 8h - 12h
Atendimento
(43) 3373-7979

DIY: Confira 5 dicas para montar uma mini horta dentro de casa

Materiais como latas, caixas e garrafas podem ser reaproveitados para o cultivo de hortaliças e temperos, criando uma deliciosa horta particular.

Já pensou em comer vegetais fresquinhos colhendo direto da sua horta? Utilizar temperos naturais sem aquele monte de substâncias e agrotóxicos adicionados? Fazendo a sua própria hortinha, isso é possível.

E olha que nem é necessário morar numa casa grande ou num sítio pra ter uma. Mesmo pra quem vive num lugar pequeno e em terrenos que não oferecem muito espaço, dá pra fazer uma mini horta urbana bem gostosa pra pegar as hortaliças da hora direto pra mesa.

São diversas opções de recipientes e formas de montar seus cultivos de maneira prática, bonita e barata! Com criatividade e simplicidade, você pode organizar um espaço bem bacana pra plantar hortelã, tomilho, manjericão e todos esses temperos deliciosos que a gente adiciona pra dar aquele sabor todo especial à comida.

Quer saber como? Esse DIY vai mostrar como é super fácil de fazer!

 

1 – Passo a passo: reaproveitando latas

Reaproveitar latas é uma das maneiras mais simples pra elaborar uma horta doméstica. Além de ficar lindo, não despende de muito tempo nem dinheiro. Latas que iriam pro lixo ou que estão guardadas sem uso podem ser utilizadas e até mesmo customizadas.

Você só vai precisar de:

  • Latas pequenas ou médias
  • Prego e martelo
  • Terra adubada ou substrato para plantio
  • Argila expandida
  • Areia ou Manta
  • Sementes ou mudas do tempero de sua preferência

O primeiro passo é fazer um furinho em baixo da lata para a água escoar quando a planta for regada. Cuidado na hora de furar para não se machucar com o prego e o martelo, ok?

 

Lata furada para escoar a água

É necessário fazer pequenas aberturas no recipiente para que a água possa escoar. (Foto: Ateliê Casa de Maria)

 

Feito isso, é hora de customizar a lata. Se elas forem naturalmente estampadas ou retrô, fica ainda mais bonito, mas você pode dar a elas o estilo que quiser. Até mesmo latas de produtos, como manteiga, podem ser reaproveitadas.

 

Mini horta em latas de manteiga

Latas de produtos consumidos podem ser utilizadas para criar uma pequena horta com temperos

 

Mini horta feito com latas coloridas retrô

Com latas coloridas e em estilo retrô, a plantação ganha um chame especial sem muitos esforços

 

Elas podem ser feitas inteiras de alumínio, então é possível deixá-las da cor natural e amarrar pequenas fitas ou cordas para dar o acabamento.

Outra ideia é pintar as latas com tinta lousa para depois escrever com giz de cera uma descrição de sua preferência. Uma dica legal é anotar nas latas o nome de cada tempero, assim fica mais fácil e organizado na hora de cozinhar.

 

Latas identificadas para mini horta

Pintando o recipiente com tinta lousa, é possível detalhar os temperos pra facilitar na hora de fazer os alimentos. (Crédito: Denise Meneghello)

 

Se quiser investir um pouquinho, também é bacana pintar as latinhas com tinta das cores de sua escolha, fica um charme!

 

Latas pintadas para mini horta em casa

Cordas e tintas podem customizar as latas, dando vida a horta doméstica. (Crédito: Canal da Decoração)

 

Depois, é necessário preparar o sistema de drenagem da planta. Para isso, espalhe no fundo do recipiente a argila expandida, que são umas bolinhas de argila que vão evitar que a terra fique concentrada e empapada no fundo da lata.

Após espalhar a argila, coloque uma camada de areia por cima, para que a terra não vaze através da argila. Você pode substituir a areia por um pedaço de tecido de jardinagem chamado Manta, que cumpre a mesma função e custa bem baratinho.

Com a lata pronta, basta colocar a terra adubada sobre a areia para plantar a hortaliça. O adubo é bem importante, porque é o que vai fazer as plantas crescerem fortes e saudáveis.

Coloque as sementes na terra cerca de 1 dedo abaixo da superfície para que a raiz tenha espaço para crescer. E pronto, é só aguar e esperar que ela ganhe vida.

O lugar para colocar a sua mini horta, você escolhe. Não precisa ser necessariamente na cozinha ou na área de serviço. Como ela exige um espaço pequeno e pode ser, inclusive, suspensa ou pendurada na parede, qualquer cantinho é suficiente para plantar os vegetais.

É claro que dependendo de onde as latas forem colocadas, é necessário um pratinho embaixo para que não fique escorrendo água em locais impróprios. Uma outra ideia é fazer uma cama de pedras sob as latas, onde a água possa escorrer e ainda dar um toque de bom gosto todo especial para sua horta.

 

Mini horta com latas e fita decorada

Uma simples fita faz toda a diferença na decoração das latas, que podem ser colocadas sobre pedras para o fluxo da água que for regada. Poucas técnicas, ótimo resultado!

 

Mas atenção, caso a opção seja pelo pratinho, não esqueça de forrar com areia para evitar a ocorrência de focos do mosquito que transmite a dengue, zika vírus e chikungunya. Saúde é sempre prioridade, certo?

Um fator essencial para a que os temperinhos ganhem vida é água e luz, claro. Não precisa ficar o dia todo expostos à luz solar, de 3 a 4 horas por dia é suficiente. Lugares recomendados geralmente são sacadas, varandas e locais próximos a janelas.

Já a quantidade de água depende de cada hortaliça e do calor. Procure se informar antes com que frequência se deve regar o cultivo escolhido e quais são as condições climáticas favoráveis a ele.

 

2 – Utilizando potes, xícaras e canecas em sua horta

Fazer sua horta vertical com potes, xícaras e canecas requer o mesmo procedimento das latas, mas carece de um cuidado maior por conta do material.

Não tem como furar vidro e porcelana com prego e martelo, ou a peça se quebra. A solução é utilizar uma furadeira com broca diamantada, que pode ser encontrada em lojas de materiais de construção e utilidades.

Escolha canecas e xícaras grandes ou potes médios com espaço suficiente para a raiz das hortaliças crescerem. Você pode aproveitar peças antigas, sem uso, ou utilizar potes de vidro de conserva, como de palmito, por exemplo.

Faça um furo com a broca na base do recipiente para que a água escoe. Depois é só incluir a argila, areia, terra adubada e a planta, mas é legal personalizar os utensílios para dar um diferencial na decoração de casa.

 

Xícaras e Canecas decoradas para mini horta

Objetos de vidro e porcelana também precisam ser furados para garantir a drenagem da água. Crédito: Ateliê Casa de Maria)

 

Xícaras e canecas coloridas ficam lindas como suporte para os temperos e muitas vezes nem é necessário customizá-las, olha só como o resultado é incrível!

 

Mini horta com xícaras e canecas antigas

Aquelas canecas esquecidas e sem uso podem se transformar numa bela horta para a sua casa! (Crédito: Joia de Casa)

 

Copos grandes de vidro também podem ser utilizados e é interessante incluir algum adereço, como fitas ao redor, ou pendurá-los num painel de madeira. Fica sensacional!

 

Mini horta com potes de conserva na parede

Fixar potes de conserva em prateleiras e painéis dá uma cara descolada e moderna para a sua horta

 

3 – Caixotes de madeira para organizar legumes e verduras

Se o seu objetivo é plantar legumes e verduras um pouco maiores, como alface, por exemplo, mesmo morando num lugar pequeno, dá pra fazer. Basta utilizar caixotes de madeira e organizá-los de uma forma que não atrapalhe o seu espaço disponível.

 

Mini horta com caixotes de madeira para fazer em casa

Caixotes de madeira podem servir como recipiente para verduras e legumes maiores do que as folhas de tempero

 

Essas caixas são aquelas comuns de feira, sabe? E o melhor é que além de baratas e fáceis de adquirir, tem uma infinidade de coisas lindas que dá pra fazer com elas. Se quiser saber um pouco mais sobre essa decoração super descolada, dá uma conferida nesse DIY que é inteirinho sobre elas.

Para tomar menos espaço, uma opção é colocar os caixotes de forma vertical, fixados na parede ou pendurados com cordas. Se a sua casa dispuser de um pouco mais de espaço, distribuir as caixas de forma horizontal é uma maneira bem prática de ter sua plantação sempre à mão e fresquinha.

 

Horta urbana com caixotes na parede

De forma vertical ou horizontal, os caixotes ficam lindos e organizam o espaço para criar uma horta urbana

 

É importante escolher caixotes firmes em que a madeira seja forte para suportar o peso das hortaliças, principalmente se a opção for fazer uma horta suspensa. Cuidado com farpas na caixa, procure lixar bem a superfície e as arestas quando for manusear.

Como os caixotes são feitos de madeira, é necessário revestir com plástico para não apodrecer, pode até ser com uma sacola mais resistente. Faça pequenos furos para a drenagem da água, assim como nas latas.

Feito isso, o procedimento é o mesmo. Coloque a camada de argila, areia, terra fertilizada, a muda do vegetal e deixe em um lugar arejado e com sol por parte do dia.

Não esqueça de colocar as caixas num local que garanta a proteção da mobília no escorrimento da água quando for regar.  Se a disposição for horizontal, deixar os caixotes sobre pedras ou grama é o ideal.

Está pronto! Só de pensar em comer legumes e verduras fresquinhas e sem agrotóxicos já dá vontade de ter uma dessas, não é mesmo?

 

Horta urbana com caixotes nas pedras

É importante preparar bem os caixotes e colocá-los onde a água possa ser absorvida depois, como pedras e grama

 

Horta em casa com caixotes na vertical

Anexados à parede, as caixas com os cultivos qualificam o espaço, o ambiente e a decoração

 

4 – Aprenda como reaproveitar as garrafas pet

Um outro material fantástico para trabalhar são as garrafas pets, que a gente usa e joga fora aos montes. São embalagens e mais embalagens descartadas que dariam um belo jardim suspenso, olha só!

 

Mini horta em garrafas pet e paletes

Jardins e hortas suspensas em paletes podem ser feitas com simplicidade e beleza através de garrafas presas a pallets. (Crédito: Haus – Gazeta do Povo)

 

Vamos de passo a passo mais uma vez? Veja como utilizar as garrafas como mini hortas de forma simples e prática.

Você vai precisar apenas de:

  • Tesoura
  • Argila expandida
  • Areia
  • Terra adubada ou substrato para plantio
  • Garrafa pet descartável

Lave bem as embalagens primeiro para que não reste nenhuma sobra do líquido que estava na garrafa. Feito isso, recorte a embalagem pela metade e descarte a parte inferior, onde fica a base.

Neste modelo, só utilizaremos a metade de cima da garrafa, mantendo a tampa fechada. O formato ficará semelhante a um cone, certo? Faça pequenos furos para que depois a água possa escoar. Encha o invólucro com um pouco de argila e areia, adicione a terra com o fertilizante e coloque o tempero de sua preferência.

 

Mini horta pendurada em garrafas pet

Com as garrafas penduradas e presas por cordas ou arames, é possível fazer uma linda horta vertical com pouco gasto e bom gosto

 

Uma outra possibilidade é deitar a garrafa e recortar somente uma parte do plástico, abrindo uma cavidade no meio do invólucro. Da mesma forma que o primeiro modelo, fure a embalagem em alguns pontos para a passagem de água.

Através da abertura do meio e com a garrafa fechada pela tampa, coloque os suprimentos para garantir o sistema de drenagem da hortaliça e espalhe a terra adubada. Aí é só plantar a semente e aguar para que o temperinho cresça bem forte nas garrafas.

 

Mini horta com garrafas pet

Reaproveitar produtos como garrafas descartáveis é uma excelente forma de cultivar os temperos colaborando com o meio ambiente

 

O bom de reciclar materiais como as garrafas pet é que, além de serem acessíveis e baratos, evitamos de jogar fora e acumular mais lixo, contribuindo com a sustentabilidade do nosso planeta. Demais, né?

 

5 – Vasos e outros materiais para sua horta urbana

Além de todas essas ideias que já colocamos aqui, dá pra montar sua pequena horta urbana utilizando outros utensílios, dos mais comuns, como simples vasos e floreiras, aos mais inusitados, como calhas.

Basta adaptá-los ao local escolhido, pendurando em varais, fixando em painéis, parafusando em suportes, diretamente na parede ou simplesmente colocando em prateleiras ou no chão. Fica incrível!

 

Mini horta com salsa, alecrim e ervas

Vasos comuns não precisam comportar apenas flores. Salsa, alecrim e outras ervas ficam uma graça plantados assim, não é?

 

Vasos coloridos para mini horta

O ambiente fica cheio de charme e vida com os vasos coloridos para sua horta vertical

 

Mini horta feito com calhas na parede

Muita criatividade na utilização de materiais como calhas para fazer uma plantação bem diferenciada.

E aí, curtiu? Com bem pouco dá pra fazer uma hortinha linda e super saudável pra unir o útil ao agradável.

Montar uma mini horta assim é como “trazer o mercado pra casa”, uma boa forma de economizar e se alimentar melhor. Um incentivo e tanto para mudarmos nossos hábitos alimentares e conhecer como as hortaliças fazem bem ao nosso organismo.

Como dissemos, cada plantinha tem um preparo ideal para crescimento e consumo. Olha só esse quadro com as principais informações sobre o cultivo de especiarias para quem quiser botar em prática esse DIY:

 

Guia básico para fazer uma Mini horta

Guia básico para cultivar hortaliças em casa. Crédito: Follow the Colours

 

Independente da planta, o fundamento principal para o crescimento de qualquer cultivo é luz e água na medida certa, paciência e muito amor. Feita com carinho, sua horta vai ficar maravilhosa!

Quer mais dicas e formas de fazer uma mini plantação pra sua casa? Então se liga nesse vídeo com um passo a passo bem simples pra você montar por conta própria a sua horta doméstica!

 

Minha Horta: Não tenho espaço

 

por Camila Viol.

 

Fontes:

Follow the Colours | Joias do Lar | Imaginarium | Plano Bio | Follow the Colours – Guia Básico | Canal da Decoração