Loteamentos
e Incorporação
Av. Higienópolis, 70
Londrina - PR
Segunda à sexta-feira
8h - 18h | Sáb 8h - 12h
Atendimento
(43) 3373-7979
15 dez 2020

Como financiar um imóvel de forma segura e planejada

Conheça as vantagens e desvantagens dos sistemas de crédito imobiliário oferecidos pelas financeiras!

 

Na hora de comprar um imóvel financiado é fundamental conhecer as melhores alternativas de concessão de crédito. (Imagem: Finance Yahoo)

 

Pensando em comprar um imóvel financiado? Nessas horas, é muito comum surgirem dúvidas sobre quais são os melhores sistemas para parcelamento da dívida e se o valor mensal não vai apertar o bolso.

Entre diversos fatores, a comprovação de renda para financiamento é um dos requisitos prioritários para a concessão do valor a ser disponibilizado.

A busca pelas melhores condições de pagamento, incluindo juros mais baixos e taxas menos abusivas estão entre as prioridades de quem deseja adquirir um imóvel.

Entre prós e contras dos sistemas de financiamento, é necessário avaliar quais são as condições oferecidas pelas financeiras que possibilitem comprar a casa ou o apartamento tão sonhado.

De acordo com as particularidades de cada modelo, o desafio do comprador é encontrar o sistema que mais se encaixe à sua realidade.

Mas afinal, quais são os principais tipos de financiamento imobiliário praticados no mercado e o que é necessário para garantir as melhores condições?

 

Como adquirir um bom financiamento

 

O primeiro passo para assegurar as melhores condições de crédito é comprovar que há meios de quitar a dívida de forma segura.

Para isso, as instituições financeiras exigem documentos que comprovem a renda como holerites, extratos de movimentação da conta bancária, declarações de Imposto de Renda, etc.

Além da documentação, outro ponto importante é não estar negativado no SPC/Serasa, já que o comprador não tem históricos de inadimplência. Então, uma boa dica é sempre estar em dia com as contas para não ter problemas na hora de negociar.

Na avaliação das linhas de crédito oferecidas pelas financeiras, quesitos como renda familiar, capacidade de compra, valor do imóvel, dívidas inadimplidas, status empregatício, entre outros, costumam ser levados em consideração antes de aprovar o crédito.

O perfil do cliente é um dos fatores que pode elevar a taxa de juros e diminuir o valor liberado como crédito. O bom pagador conta com um alto score, ou seja, uma boa pontuação obtida nos sistemas de pagamento, em geral.

Assim, terá maiores chances de ter o cadastro de crédito aprovado e conseguir melhores condições para negociar.

 

Sistemas de Financiamento

 

Entre as mais praticadas, as formas mais comuns de realizar o financiamento do imóvel são através do SFH (Sistema de Financiamento Habitacional) e do SFI (Sistema de Financiamento Imobiliário).

A diferença está, sobretudo, na possibilidade de uso do FGTS para abatimento de parte da dívida.

O SFH é mais utilizado, já que tem o FGTS como recurso e permite que pessoas de menor renda garantam boas condições de financiamento. Entre os requisitos para a aquisição do crédito estão:

 

  • parcelas que não comprometam mais do que 30% da renda mensal;
  • imóveis no valor de até R$ 1,5 milhão;
  • limite de parcelamento em 420 meses (35 anos);
  • financiamento de 70% a 80% do valor do imóvel;
  • taxa de juros limitada a 12% ao ano, incluindo todos os encargos;
  • aquisição do imóvel exclusivamente por pessoa física.

 

Se o SFH oferece juros mais baixos e parcelas mais convidativas, o SFI permite condições mais livres, não impondo limite máximo quanto ao valor do imóvel. O número de parcelas também pode ser negociado de forma mais flexível neste sistema.

Entretanto, essa liberdade entre as partes acarreta em aumento nas taxas de juros, já que a definição das formas de pagamento fica a cargo da empresa. Um dos benefícios é que, com o SFI, é possível financiar até 90% do valor total, seja pessoa física ou jurídica.

Entre vantagens e desvantagens, a melhor forma de financiar é sempre a que cabe no bolso.

Quando a dívida é a longo prazo, o parcelamento precisa ser planejado para que não comprometa a renda mensal. E, neste contexto, muitas vezes os juros se tornam o grande vilão dos financiamentos.

 

Saiba como se planejar financeiramente na hora de comprar a casa própria! 

 

Taxas de Juros

 

Buscar as menores taxas de juros do mercado é um dos desafios de quem deseja realizar o sonho da casa própria. (Imagem: Uol Economia)

 

Para que os juros não comprometam a renda mensal, é importante entender de que maneira as taxas são embutidas nas parcelas e qual é a condição mais confortável ao orçamento. O valor mensal pode aumentar ou diminuir até o final do empréstimo, de acordo com o sistema escolhido.

No caso do SAC (Sistema de Amortização Constante), embora os juros sejam maiores no início do financiamento, o valor da parcela diminui ao longo do tempo. Isso resulta em prestações mais suaves no final.

Já para o Sacre (Sistema de Amortização Crescente), o valor das parcelas se eleva até a metade do contrato e, então, começa a decrescer gradativamente.

Por fim, o Sistema Price trabalha com prestações de valor fixo, ou que variam somente conforme a inflação. Neste método, o financiamento se dá pelo balanço entre taxa de juros e amortização ao longo do período do empréstimo.

Além da concorrência entre as financeiras pelas melhores taxas de juros, algumas construtoras contam com a vantagem de disponibilizar um sistema de financiamento próprio, garantindo boas condições, comodidade e segurança para quem deseja comprar o imóvel.

Com a melhor proposta de financiamento em mãos e um bom planejamento, o sonho da casa própria pode, enfim, se tornar realidade.

 

Por Camila Viol.

COMUNICADO

Prezado Cliente,

A HF Urbanismo está ao seu lado para enfrentar o novo coronavirus (COVID-19) e a insegurança causada pela pandemia.

Esteja atento às dicas de prevenção, pois o momento agora é de conscientização e muito em breve será de superação. Queremos que você tenha certeza de que pode contar com a HF Urbanismo para manter seu investimento / sonho sem que isso se torne uma preocupação.

Por isso, você está recebendo este comunicado para ficar ciente de que a HF Urbanismo estará enfrentando essa situação junto com você e lhe concederá desconto de 10% (dez por cento), para pagamentos pontuais, no valor do próximo vencimento/parcela, bastando para tanto que faça contato através dos seguintes meios:

Email: [email protected]; [email protected];
Telefones (43) 3373-7979 e (43) 3323-6963

Acaso tenha perdido o vencimento da parcela deste mês, mas queira manter seu pagamento em dia, entre em contato para negociar a situação. A equipe da HF Urbanismo segue totalmente à disposição para quaisquer esclarecimentos.

Atenciosamente.
Data 25/03/2020.
HF Urbanismo.